AL TOQUE- GUITARRA


PEPE HABICHUELA
c/Josemi Carmona sexteto

AULA MAGNA- 29 MARÇO / 21:30

Estreia absoluta em Lisboa

Jose Carmona Carmona"Habichuela". Granada, 1944

Com apenas 20 anos actuava nas “Torres Bermejas” em Madrid. Protagoniza, juntamente com Paco de Lucia, Camaron, Morente e Saluncar, entre outros, a brilhante renovação dos anos setenta, abrindo caminho aos jovens flamencos. Aprendeu com Sabicas e Mário Escudero, sempre com o seu toque pessoal, que veio a passar a filhos e sobrinhos (os ketama).
Na "missa flamenca" de Henrique Morente, com estreia na “Abadia de Fontfroide” em França, Pepe Habichuela, em estado de graça, interpreta um “soleare” inesquecível.Em 2002 é convidado pelo músico Indo-Britânico Nithin Sawheney, para o projecto “Indica Brasilica” e participa em vários concertos na Bélgica e Holanda. Nessa altura conhece Chandru que o convida para participar no grande concerto do auditório do “Babican Center” Londinense, junto ao “Strings of India Orchestra”.
Em 2006 tocou na Bienal de Sevilha e em 2007 no 14º Festival Flamenco Ciutat Vella, numa sala a transbordar, dá um concerto "virtuoso" que termina com uma ovação em êxtase. Colaborou também no “cd” do jovem cantor/ autor “Pitingo com Habichuelas”, juntando mais um êxito à sua já extensa obra.

Pepe Habichuela é corda e madeira, afinação e compasso, aceleração e pausa, fonte de músicas flamencas.

A sua guitarra soa a madeira e parece uma árvore a chorar

(Don Cherry)
O último clássico de guitarra flamenca"

(Joaquim Albaicin)

JOSÉ MIGUEL CARMONA

José Miguel Carmona. “Josemi Carmona”(Madrid, 1971).

Guitarrista e compositor de excelência que para além de acompanhar o seu pai Pepe Habichuela, é membro do grupo musical Ketama e também e também produtor, com destaque para o trabalho com Niña Pastori, no disco “Homenaje a Jeros”.




Espectáculo:

HABICHUELA EN RAMA

Pepe Habichuela c/ Josemi Carmona e sexteto
“concerto onde Pepe Habichuela e Josemi Carmona, acompanhados de percussão, palmas e’jaleo, ‘cantaor’ e’bailaor’, oferecem um recital de intensidade mágica”

Ver Vídeo:

1 comentário:

Tereza disse...

Fantástico! Até que enfim! Há muito que admiro os dois e espero a oportunidade de os ver tocar ao vivo. O talento abunda naquela familia. Se pudessem ver o meu computador, iriam saber as vezes que vou ao youtube para ouvir a sua música:)Já ganhei o dia :))